Publicado por 7:19 pm Agitos

Arvo Festival apresenta relatório de sustentabilidade

A 7ª edição do evento foi realizada no último dia 08 de outubro em Florianópolis com a participação de mais de 4 mil pessoas. A adoção de medidas para reduzir a produção de resíduos esteve presente desde a produção até o desmonte do evento. 

A cada edição, o Arvo Festival se posiciona como um verdadeiro exemplo de que é possível realizar eventos cada vez mais sustentáveis. Posto este que acaba de ser confirmado com o relatório de sustentabilidade Com uma legítima preocupação com o meio ambiente e com a  sustentabilidade, a 7ª edição do Arvo Festival realizada no último dia 08 de outubro, avançou ainda mais no objetivo de se tornar um evento Lixo Zero: apenas 32k de rejeitos foram produzidos pelas mais de 4 mil pessoas que prestigiaram o evento. Número este que representa 6,67g de lixo por pessoa e que 95% de todos os resíduos foram destinados para reciclagem e  compostados para virar adubo. 

De acordo com Nathalia Possebon, uma das organizadoras do Arvo Festival, o relatório solidifica a aposta certeira das medidas que ano após ano são adotadas pelo evento.  “Entendemos que cada edição faz parte da construção da história e do futuro e que chegaremos cada vez mais no festival dos sonhos, que integra de maneira respeitosa e inteligente nossos maiores ideais, a arte e a sustentabilidade”, destaca. 

Vale destacar que as medidas de sustentabilidade do Arvo Festival vão além destes números, tendo em vista que desde o pré-evento toda a equipe e fornecedores atuam para reduzir a produção de lixo e utilizar produtos mais sustentáveis. Além disso, o evento ofereceu água gratuita para os participantes, eliminando a necessidade de usar garrafas que, normalmente, iriam para o lixo e ainda mediu a pegada de carbono, revertendo-a em plantio de árvores. A compensação foi feita por meio de uma parceria entre o Arvo, a Ateha e a Carbon Agroflorestry, e as mudas serão plantadas nos sistemas agroflorestais onde são colhidos ingredientes para fabricação de kombuchas orgânicas. Durante o evento, fez-se uso de detergentes e sabonetes biodegradáveis e orgânicos para as cozinhas e área do banheiro, e a  praça de alimentação foi 100% biodegradável. 

Crédito: Natasha Azambuja.

Sobre o Arvo Festival

Com proposta pioneira no Sul do Brasil, o Arvo reúne música brasileira, arte e sustentabilidade e nasceu com a intenção de transformar o comportamento e o consumo da cultura em Florianópolis, tendo o público como agente ambiental.  Nesta 7ª edição, foram mais de 13 horas de shows com atrações como Gilsons, Marina Sena, BaianaSystem, Leci Brandão e Majur, além de sete bandas e sete DJs de diversos Estados do Brasil. 

Confira algumas medidas que foram adotadas pelo Arvo Festival 

  • Baixa geração de resíduos – média de 0,008g por pessoa;
  • Zero plástico;
  • Carbono Neutro;
  • Água gratuita;
  • Uso de detergentes e sabonetes biodegradáveis e orgânicos para as cozinhas e área do banheiro;
  • Praça de alimentação 100% biodegradável;
  • Totens “Bituca é Lixo” para recolhimento de bitucas de cigarro;
  • Oficina de muvuca Naveia: criação de “bombas” de semente para ajudar a erguer a Floresta Naveia (na região de Ibitipoca/MG). Os participantes da oficina que se cadastrarem pelo QRCode poderão receber atualizações e acompanhar suas criações virando árvores;
  • Promoção da reciclagem e a compostagem;
  • Fomento do trabalho dos catadores de materiais recicláveis. 

Crédito: Natasha Azambuja.

(Visited 2 times, 1 visits today)
Close